Beleza e cuidado

Pele sensível e pele intolerante

A pele sensível é uma pele que reage excessivamente a estímulos normais internos e/ou externos, que conduzem a diversos sinais que podem ser subjetivos, consistindo naqueles que as pessoas descrevem mas que não são visíveis como é o caso do ardor, repuxamento ou sensação de picada, ou de sinais objetivos como as vermelhidões, pele descamativa, edemas e vesículas.

Existem diversos fatores que podem desencadear ou agravar esta situação como é o caso de fatores internos (ex. psicológicos e hormonais) e fatores externos (ex. o frio, o vento, o calor, o sol, a poluição; hábitos alimentares como o álcool, especiarias, café; produtos de higiene inadequados e medicamentos).

A pele sensível está geralmente associada a uma pele mais clara e mais fina. Os recetores sensoriais que detetam estímulos do exterior encontram-se mais à superfície sendo, por isso, mais facilmente estimulados. É por esse motivo que esta pele responde mais facilmente a estímulos externos ambientais que uma pele dita “normal”. Contudo, não nos deixemos enganar, pois todos os tipos de pele poderão desenvolver uma sensibilidade aumentada.

Nos casos em que existe referência a uma sensibilidade da pele devido a esta fazer facilmente reação a muitos cosméticos, estamos na presença de uma pele intolerante. Ou seja, a pele intolerante reage de forma exagerada a variados estímulos que normalmente seriam bem tolerados. No fundo acaba por ser semelhante a uma alergia. Contudo, uma reação alérgica responde a um mecanismo bem identificado (ou não) que leva ao desencadeamento de uma resposta do nosso sistema imunitário, enquanto que no caso de uma pele intolerante, os alergénios não são os responsáveis pelos sintomas, mas sim todo um conjunto de fatores que vai desde as agressões climáticas, fórmulas cosméticas inadaptadas e gestos de higiene desadequados.

A pele intolerante é assim mais vulnerável às agressões exteriores e caracteriza-se por um desconforto diário e uma irritabilidade muito acentuada. No rosto é comum haver vermelhidão e sensação de picada, podendo dar comichão ou até surgir uma sensação de queimadura. A barreira cutânea pode danificar-se, e não desempenhar convenientemente o seu papel de proteção, levando a que haja maior probabilidade de desidratação e a pele fique mais fragilizada. Frequentemente estes sintomas pioram depois de cada aplicação de um produto cosmético.

Como as peles intolerantes são muito vulneráveis e os agressores são muito variados, elas precisam de uma atenção especial, de forma a evitar um desconforto diário que pode mesmo afetar a qualidade de vida da pessoa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s